Fiquem atentos: o equinócio de outono vem aí!

Ano após ano, nós ouvimos falar de um fenômeno astronômico chamado equinócio. A palavra “equinócio” vem do latim, e significa “noites iguais” – por isso é utilizada em ocasiões em que o dia e a noite duram o mesmo tempo. Ou seja, durante os equinócios, o dia e a noite têm igualmente 12 horas de duração. Agora você já sabe o que a palavra significa, mas sabe o que esse fenômeno representa?

Assim como os solstícios, os equinócios são responsáveis por marcar o início das estações do ano. Acontecem anualmente, em março e setembro, determinando a entrada do outono e da primavera. As datas em que isso ocorre podem variar de um ano para o outro, devido aos anos trópicos não terem exatamente 365 dias – interferindo na variação de um período de dezoito horas, o que faz com que nem sempre o equinócio ocorra no mesmo dia.

Tecnicamente, os equinócios estão relacionados à inclinação da Terra, e são fenômenos registrados no momento em que o Sol incide com maior intensidade sobre as regiões próximas à linha do Equador. Com isso, os dois hemisférios recebem a mesma quantidade e intensidade de luz solar. Em 2019, o equinócio de outono será no dia 20 de março.

No que diz respeito ao universo televisivo, a interferência causada pelos equinócios pode interromper o sinal emitido por satélite, tirando do ar, temporariamente, alguns canais de televisão. Sua programação poderá sofrer com perda de sinal, prejudicando a qualidade dos canais sintonizados pela sua TV – principalmente nos dias 18, 19, 20 e 21 de março. Não cabe à Century evitar essa interferência, mas não se preocupe! O fenômeno é passageiro.